Óleo em pasta é novidade para hidratação

Ele foi desenvolvido para ser usado ainda debaixo do chuveiro, evitando aquele incômodo friozinho pós-banho e garantindo pele hidratada muito mais rápido

Foto: Divulgação


Nos dias mais frios é comum a pele ficar mais ressecada, com aparência esbranquiçada e sensação de repuxamento, por isso, investir em uma boa hidratação é fundamental. Uma das novidades do mercado da beleza é o óleo em pasta.

Diferentemente dos cremes hidratantes, ele foi desenvolvido para ser usado ainda debaixo do chuveiro, evitando aquele incômodo friozinho pós-banho e garantindo pele hidratada muito mais rápido. Confira a seguir alguns motivos para incluir o produto no seu nécessaire.

Você economizará tempo - Hidratar o corpo todos os dias é importantíssimo especialmente no inverno, mas muita gente não gosta ou não tem paciência para esse ritual. O óleo em pasta foi desenvolvido para ser usado ainda debaixo do chuveiro, como um último passo do banho, e pode ser a solução nesses casos: você hidrata o corpo rapidinho e já sai do banho pronta.

A textura dele é diferente - Ele tem óleo no nome, mas quando entra em contato com a água ganha textura de creme, o que deixa o produto ainda mais fácil de espalhar. Além da hidratação, a sensação de toque macio e relaxamento ao usar o produto é quase imediata.

Absorção é maior com a pele úmida - Nessa situação, os poros estão dilatados, facilitando a penetração de qualquer produto que seja aplicado na pele. Dentro do chuveiro, ainda há um benefício extra: além da pele estar bastante molhada, o vapor do banho também ajuda a deixar os poros abertos, facilitando ainda mais a penetração e, consequentemente, a eficácia do óleo em pasta.  

Ficou com vontade? Uma opção é o novo Óleo em Pasta Tododia Cereja e Avelã, da Natura. Ele custa R$ 39,90 e cumpre exatamente as funções destacadas neste texto. 


LUANA RODRIGUES

luana@gaz.com.br