Decoração metalizada: cobre como bola da vez

O uso dessa tonalidade já se tornou tendência no mercado

Decoração metalizada
Foto: Divulgação


Charmoso, o cobre se destaca entre os metais preciosos como o ouro e a prata quando o assunto é decoração interna. Elegante, sua composição agrega status e beleza ao pincelar espaços usando tintas especiais e revestimentos que geram delicadamente um toque de requinte e sofisticação. Seu brilho é único promovendo um aspecto diferenciado, minimalista e moderno que está presente em muitos projetos conceituados.

O uso dessa tonalidade já se tornou tendência no mercado, e pode ser encontrado nas versões polido, fosco ou escovado. Expressivo, pede dosagem controlada, para privilegiar os detalhes. “O cobre possui um reflexo singular, quando comparado a outros metais, eclético, posiciona-se muito bem em ambientes clássicos, tanto quanto em espaços industriais e descolados”, explica o arquiteto Tiago Campetti.

A versatilidade é uma característica marcante, mas especificamente o cobreado é valorizado junto ao uso de materiais rústicos, como concreto bruto ou madeira natural. “Esse cuidadoso casamento gera harmonia e pode ser utilizado em salas, quartos, banheiros, cozinhas ou espaços gourmet”, revela Luciane Benevides, gerente da Impermix. Uma única peça é capaz de mudar o clima, deixando um ambiente chique, seja através da pintura diferenciada, ou do revestimento trabalhado.

O catálogo de opções é farto, são chapas corridas lisas, geométricas e em formato 3D que sobrepõem sutilmente o todo, sem destoar do contexto. Contemporâneo, é a metamorfose dos metais, chamando atenção pela flexibilidade com que agrada gregos e troianos.