Faça simpatias para São Pedro, o santo das causas difíceis

Ele é padroeiro do Rio Grande do Sul e o último santo do mês de junho, que ainda tem São João e São Pedro

Foto: Divulgação


Chegamos ao penúltimo dia de junho, o dia dedicado ao santo das causas difíceis, São Pedro. O santo é padroeiro do Rio Grande do Sul e faz parte dos juninos, junto com Santo Antônio e São João. Para quem ainda não aproveitou o mês para fazer seus pedidos, ainda pode aproveitar esta quarta-feira, 293, para conversar com o guardião do céu.

São Pedro foi um pescador da Galileia escolhido por Jesus para ser o primeiro apóstolo. Ele é considerado pela Igreja católica o primeiro bispo de Roma, e por consequência, o primeiro papa. Até hoje detém o mais longo pontificado da história, que durou cerca de 37 anos.

O santo é apontado como solucionador de causas difíceis, então é uma boa escolha fazer uma simpatia para São Pedro. Lembre-se, o sucesso do ritual depende da fé e da crença de cada pessoa.

CHAVE NO TRAVESSEIRO

Pegue uma chave nova, embrulhe em um papel branco com três pedidos e descreva como você deseja a sua casa. Na hora em que deitar mentalize que São Pedro e seus anjos estarão durante a noite procurando a casa dos seus sonhos.

PARA PROTEGER A CASA

Hoje, dia de São Pedro, coloque dentro de um copo com água a chave da porta de entrada da sua casa e diga: “São Pedro, proteja minha casa, assim como protege de intrusos o céu. Afaste todo e qualquer mal da minha casa e com a ajuda do anjo guardião, não deixe entrar nenhum ladrão.”

AMOR

Esta simpatia também envolve chave e travesseiro. Coloque a chave da porta de entrada da sua casa embaixo do seu travesseiro, que deve ser novo ou estar com a fronha nova, no dia de São Pedro. Ao sonhar, o primeiro homem que aparecer nos seus sonhos será o amor da sua vida. Ao acordar, retire a chave dali.

CASA NOVA

Pegue uma vela branca nova e marque com uma caneta nove pedaços. Acenda a vela no primeiro dia e leia o seu pedido, que deve estar escrito em um papel branco com todas as características da casa pretendida e uma chave. Acenda a vela, deixe queimar até a marca daquele dia, e apague. Repita o ritual nos demais dias até o nono, quando ela vai acabar de queimar. No fim da novena, guarde a chave até seu pedido ser realizado. Quando a graça for alcançada, pendure a chave atrás da porta da casa nova como um talismã. Em agradecimento coloque uma casa de cera no altar de São Pedro.

VIAGEM

Hoje ao meio-dia (corre! Ainda dá tempo) ou às 18 horas, vá a algum lugar que possa ficar sozinho, levante os braços e eleve os pensamentos aos céus, pedindo: “consiga ir e voltar de suas viagens com saúde e livre de acidentes e de morte súbita. Que Jesus e o Divino Espírito Santo também estejam no volante com você, assim como o Senhor, meu São Pedro amigo”. 


MARÍLIA NASCIMENTO

marilia.nascimento@gaz.com.br