Dez destinos no Uruguai para desfrutar durante o inverno

Lugares onde nasceram os jogadores da atual Seleção Celeste ficam ainda mais belos na estação mais fria do ano

Foto: Divulgação


Selecionamos dez destinos no Uruguai que são ideais para  viagens no inverno. Os locais, além de terem sediado grandes  feitos revolucionários, são também o berço de ídolos do futebol do país vizinho. Descubra abaixo as terras de Christian Stuani, José María Gimenez, Sabalero, Martin Silva e Carlos Sanchez.

Canelones

Em Tala e Toledo, a apenas 55 quilômetros de distância, nasceram Christian Stuani e José María Gimenez, respectivamente. Ambos deram seus primeiros passos no departamento de Canelones, o principal destino Enoturismo uruguaio. Região que concentra 60% das vinícolas do país.

Quase qualquer rota do seu território, para a qual certamente ambos os jogadores circularam uma e mil vezes, faz fronteira com um vinhedo ou estabelecimento. Outro ponto forte em termos de turismo são as suas belas praias do “Río de la Plata”, entre os quais se destacam, Atlantida e La Floresta, dois balneários de grande tradição, nascidos nas primeiras décadas do século 20.

Fray Bentos

Foto: Divulgação

 

Lucas Torreira nasceu na cidade de Fray Bentos e teve seus primeiros triunfos de futebol no Club Atlética 18 de Julio.  Fray Bentos, é um dos destinos que mais impulsionou o turismo desde 2015, após o reconhecimento Frigorífico Anglo e seu bairro de classe operária como Patrimônio da Humanidade, pela Unesco.

O lugar, ficou conhecido como "a cozinha do mundo", pelo seu valor estratégico nas guerras mundiais e, em particular, na segunda, a partir da fabricação do famoso corned beef. O calçadão fraybentino e seu tradicional pôr do sol, o Museu Luis Solari e o remodelado TeatroYoung, são algumas das atrações imperdíveis desta cidade, que tem muito a oferecer ao turismo.

Juan Lacaze

A terra do Sabalero e o ator Osvaldo Laport também é de Cristian (Cebolla) Rodriguez. Localizada na zona sul do departamento de Colônia, a cerca de 49 quilômetros de Colônia do Sacramento, possui uma linda baía e uma praia de mais de seis quilômetros de extensão, que liga o rio Rosário à Praia Verde. Veja o belo pôr do sol sobre o “Rio de la Plata”, é um dos planos imperdíveis para quem visita o pitoresco destino celestial.

Maldonado

Com Punta del Este e Piriápolis como destinos de estrelas, Maldonado não precisa de uma apresentação turística. Maldonado departamento e berço do terceiro goleiro do Uruguai, Martín Campaña e o meia Naithan Nandez, tem muito a oferecer neste inverno, com uma intensa agenda cultural da cidade e atividades especiais para os hotéis da região.

Montevidéu

O principal destino turístico do país, que viu o nascimento de oito dos jogadores da atual seleção, torna-se ainda mais atraente durante as férias de inverno, quando sua programação cultural está no auge.  Durante a primeira metade de julho coexistem inúmeras alternativas para jovens e idosos nas salas da capital desde Teatro Solís ao Auditório Nacional del Sodré.

É também a temporada de passeios em família pelas áreas rurais da capital do vizinho. Todos os anos, o governo departamental organiza vários passeios desde vinícolas e a zonas úmidas, ideais para sair do asfalto sem ver muito do mesmo.

Foto: Divulgação

 

A capital deu à luz a Martin Silva, Sebastian Coates, Maximiliano Pereira, Martín Cáceres, Guillermo Varela, Carlos Sanchez, Diego Laxalt e Jonathan Urretaviscaya. Se você estiver em Montevidéu neste inverno, não perca a rota Futebolística.

Paysandú

Localizada no rio Uruguai, a 368 quilômetros da Capital do país, faz fronteira com as cidades argentinas de Colón e Concepción del Uruguay, com as quais está conectada através da ponte internacional General Artígas.

A capital oferece aos visitantes histórias e lendas dos primeiros anos do Uruguai independente, e também as únicas águas termais salgadas da região e o famoso Festival da Cerveja, que atrai milhares de turistas.

A principal atividade turística está focada nas fontes termais, embora nos últimos anos também tenha havido uma grande oferta de ecoturismo e turismo de aventura. A cidade, que excede 76,5 mil habitantes, viu Maximiliano Gómez nascer.

Salto

Foto: Divulgação

 

Terra de goleiro. Viu nascer a Luis Suarez e Edinson Cavani. É também o berço do zagueiro Gastón Silva, que joga com a seleção uruguaia desde as categorias juvenis - menores de 15 anos.

Terra termal, não precisa de apresentação turisticamente, mas vale contar que sua infraestrutura e diversidade turística, continua a crescer, com novos hotéis de 5 estrelas na área de Arapey, novas piscinas em Daymán, novas alternativas para o turismo cultural e ecoturismo.

Nova Helvécia

Esta pitoresca cidade de 11 mil habitantes a leste de Colônia, é solo dos melhores queijos e doces do país, e também o local de nascimento do jogador Rodrigo Bentancour. Fundada por imigrantes suíços e italianos, o destino seduz com a sua marca de imigrantes europeus que reflete em sua arquitetura, gastronomia e cultura.

Nueva Helvécia, teve um desenvolvimento do turismo cedo, com a fundação do Hotel Suizo - em 1872, que vai até o presente com as mesmas tradições de início. Uma das melhores épocas para visitar o destino é dia 1º de agosto, quando acontece o Festival da Suíça e é comemorado com uma grande exibição de danças, canções tradicionais e as melhores receitas de origem.

Nuevo Berlín

Giorgian de Arrascaeta começou a jogar futebol no Clube de Pescadores Unidos Nuevo Berlín, uma pequena cidade cercada pelos “Parque Nacional Esteros de Farrapos” e “Islas del Río Uruguay” Localizado a 45 quilômetros de Fray Bentos, este destino é caracterizado pela tranquilidade e belas paisagens, bem como por sua admiração seu povo do Embaixador celeste.

Conta com várias alternativas turísticas, como trilhas de ecoturismo organizadas através de suas ilhas, passeios fluviais, viagens de pesca e até mesmo degustação de mel produzido no local.

Rosário

Na área Leste do Departamento de Colônia, está a 52 quilômetros de Colônia do Sacramento e a 132 quilômetros de Montevidéu, na Estrada Nacional número um. É o local de nascimento do capitão uruguaio Diego Godín.

Nessa cidade o jogador alcançou o sucesso não só no futebol, mas também em outros esportes, como natação e basquete. Plaza de Deportes de Rosario, o Club Esparta de Valdense, e o Estudiantes de Rosario, foram alguns dos lugares que frequentou durante sua infância.

Na região existem várias atrações esportivas para os fãs de Godín que querem rastrear seus primeiros passos. No entanto, a principal atração desta cidade fundada pelos espanhóis em 1775, é o Museu de Arte Mural, que é composta por mais de 60 murais de grande valor artístico que estão ao ar livre e em um ambiente acolhedor.

A dica é quente. E é imprescindível que os turistas fanáticos, pois a rota dos destinos é longa. Conhecer um pouco mais sobre a icônica história do futebol uruguaio, seguindo os passos das glórias do futebol latino-americano.


MARÍLIA NASCIMENTO

marilia.nascimento@gaz.com.br