O charme das boinas

Como incrementar um visual básico com estilo e descontração?

Foto: Folhapress


Já pensou em investir em uma boina? O acessório é uma das principais tendências do inverno e já ganhou as ruas e cabeças de atrizes e blogueiras, como Julia Faria, Mariah Bernardes, Nati Vozza e Camila Bourgerie. “O item proporciona muito charme ao visual, é a cereja do bolo. Um look preto, por exemplo, com uma boina colorida, deixa de ser sem graça e fica interessante e diferente”, diz Laís, consultora de imagem e estilo.

A blogueira de moda Lili Paiva afirma que a boina confere personalidade ao visual. “Antes as pessoas tinham muita vergonha de usar, mas agora, como estão vendo um número maior de pessoas usando nas ruas, cada vez mais gente vem aderindo ao acessório”, afirma. Ela recomenda combinar a peça com um visual mais neutro. “Como é um acessório que chama a atenção, é legal dar uma dosada. Quando usar a boina, evite óculos e brincos muito grandes”, ensina.

Segundo Laís, a boina vai bem nas mais diversas ocasiões. Só não é recomendada em eventos formais. “É uma peça extremamente casual. Não é indicado usá-la com vestidos mais sérios ou em ambientes de trabalho formais.” Hoje, os modelos mais em alta são a boina no estilo francês, que não tem aba e fica mais larguinha no topo da cabeça, e o estilo quepe.

Os materiais são variados, como feltro, lã, couro e vinil. “E as marcas também estão investindo em aplicações, como pérolas e tachinhas”, acrescenta Lili. Na hora de escolher o modelo a comprar, a dica das especialistas é que cada pessoa avalie o seu estilo e a mensagem que deseja transmitir. “Não existe regra. Uma mulher mais moderna, por exemplo, pode apostar em um modelo de vinil. Já uma que é mais romântica consegue demonstrar isso pelas pérolas e por outras aplicações”, orienta a consultora Laís.

Para a blogueira Lili, a boina francesa também passa uma imagem mais delicada, indicada para looks femininos. “Pode apostar nas coloridas. Usar um jeans, com uma camiseta listrada azul marinho e uma boina francesa vermelha, fica lindo”, ensina. Já os quepes dão um ar mais ousado e combinam com festivais de música e festas descontraídas.

Embora esteja na moda agora no frio, as especialistas garantem que a boina também combina com os dias de calor. “Não existem restrições de estação. O importante é apenas observar o tecido e o material de que são feitas. Cuidar, por exemplo, para não usar uma de lã em pleno verão, pois destoará totalmente do clima”, explica Laís.

Outra dúvida comum é: pode utilizar a boina em ambientes fechados? Segundo a consultora, no caso de festas, baladas e eventos mais informais, não há problema em ficar com o acessório na cabeça. “Mas se for sentar à mesa ou comer uma refeição, o mais elegante é tirar a boina”, recomenda. Já a blogueira Lili prefere não usá-la em espaços fechados. “Fora do Brasil, as pessoas não costumam tirar a peça da cabeça, não, mas acho que vale a mesma regra do boné: é mais adequado retirar em locais fechados.”

Foto: Folhapress
Foto: Folhapress
Foto: Folhapress