Cinco alimentos ricos em gordura 'boa' que você não sabia

Alimentos fazem parte de uma dieta equilibrada porque exercem várias funções positivas na nossa saúde

Alimentos ricos em gordura 'boa
Foto: Reprodução


A decisão de começar o ano com pé direito e focar numa alimentação equilibrada pode trazer dúvidas sobre quais itens devem ser consumidos. Além de procurar refeições balanceadas, a dica é incluir produtos com gorduras que possam trazer benefícios ao nosso organismo, como as ricas em ácidos graxos insaturados. Bons exemplos são: Castanha do Pará, nozes, óleos e cremes vegetais, Azeite de oliva, Peixe, Abacate, e, sim, Maionese.

A nutricionista Lara Natacci, diretora da DietNet e coach de Bem-estar, explica que esses alimentos fazem parte de uma dieta equilibrada porque exercem várias funções positivas na nossa saúde. “Boa parte das pessoas acredita que o consumo de todos os tipos de gorduras está associado ao aparecimento de doenças cardiovasculares e ao aumento de peso. Então, elas acabam excluindo praticamente todas as fontes de gorduras da alimentação.”

A recomendação da nutricionista é primeiramente entender qual tipo de gordura se está consumindo e preferir o consumo das gorduras “boas”, que são as monoinsaturadas e poli-insaturadas. “Nenhum tipo de gordura deve ser totalmente abolida da alimentação diária. As refeições equilibradas, com todos os tipos de alimentos, são fundamentais para a manutenção da saúde e bem estar”.

Para deixar mais claro, a nutricionista revela dicas de alimentos fontes de gorduras “boas” para incluir no cardápio:

  •  Prefira alimentos derivados de óleos vegetais como, azeites, cremes vegetais e a maionese, que podem fazer parte de uma alimentação equilibrada já que contêm gorduras poli-insaturadas como Ômegas 6 e 3;
  •  Inclua legumes e verduras. Para dar mais sabor e incluir gorduras boas na refeição é possível preparar molhos à base de maionese, por exemplo;
  •  Invista em nozes, castanhas, amêndoas, castanha-do-brasil, castanha de caju, avelã e sementes nos lanches intermediários. Eles são importantes fontes de Ômega-6 e outros nutrientes.
  •  Consuma frequentemente peixes de águas frias e profundas, como sardinha, atum, salmão, arenque, truta.