Confira cinco motivos para fazer natação

Modalidade é oferecida pela Univates; Dia Nacional da Natação será comemorado no dia 8 de abril

Foto: Elise Bozzetto


O Dia Nacional da Natação, comemorado em 8 de abril, foi criado para ressaltar os benefícios dessa modalidade esportiva. No Vale do Taquari, a piscina do Complexo Esportivo da Univates é uma opção para quem procura pelo esporte. A piscina, inaugurada em 2007, é semiolímpica e coberta, atendendo todas as exigências da Federação Gaúcha de Natação. Atualmente, em torno de 650 alunos estão matriculados nas aulas que ocorrem no local. Quem tem interesse de se matricular pode conferir as informações no site www.univates.br/esporte-e-saude.   Conforme a professora do curso de Educação Física da Univates, Janine Giovanella, as atividades na água, com os cuidados específicos para cada situação, podem ser praticadas por todos os públicos, de bebês a idosos. “São atividades que geram menos impacto nas articulações devido às propriedades da água. Ao realizarmos atividades na água, temos a sensação de bem-estar e prazer, pois, se formos analisar, nossas primeiras vivências como seres humanos são na água, no conforto do ventre de nossas mães”, explica a professora.   Confira cinco motivos para começar a praticar o esporte:   1. Fortalecimento dos músculos - Com intenso trabalho de resistência, a natação contribui para a tonificação muscular e o incremento de força. Isso porque a água é mais densa que o ar, e, assim, o esporte é praticado com intensidade sem a pessoa perceber. Se o nadador praticar os quatro estilos do esporte - crawl, costas, peito e borboleta -, conseguirá trabalhar todos os grupos musculares do corpo, fortalecendo-os.   2. Controle de peso -  Uma hora de natação pode queimar até 500 calorias, dependendo da duração, da intensidade do exercício e da temperatura da água. O esporte acelera o metabolismo e pode ajudar na queima de calorias. Mas preste atenção: não pratique natação em jejum.   3. Bem-estar - A natação libera endorfina, o hormônio do prazer, que provoca sensação de felicidade e liberdade, influenciando também a autoestima.   4. Menos estresse - “A água, devido à sua pressão, auxilia no relaxamento muscular, aliviando contraturas e estresses gerados pelas atividades rotineiras”, explica Janine. Além disso, a endorfina, citada no item anterior, também influencia em como estamos nos sentindo.   5. Mais saúde - Janine afirma que as atividades aquáticas trazem benefícios às pessoas com doenças crônicas, como diabetes e cardiopatias, reduzindo os parâmetros associados a elas. A natação também contribui para a redução e prevenção dos sintomas da asma, pois é praticada em ambiente úmido e fortalece os músculos torácicos, o que aumenta a elasticidade e o volume dos pulmões, ou seja, amplia a capacidade de absorver oxigênio.   Fonte: Assessoria de comunicação da Univates


MARIA HELENA LERSCH

maria@gazetadosul.com.br