Seis mitos sobre o uso de protetor solar

Descubra o que é mesmo verdade quando se trata desse cuidado com a pele

Foto: Divulgação


Já está mais do que comprovado que os raios solares podem ser nocivos para a nossa pele. Além das queimaduras, eles agem acelerando o aparecimento dos sinais do envelhecimento (rugas e manchas) e contribuem para o surgimento do câncer de pele. Por essas razões, os especialistas são unânimes em afirmar que os filtros solares devem ser aplicados diariamente. Tanto que existem até cosméticos e roupas para oferecer uma proteção extra.

A seguir, tire suas dúvidas sobre mitos comuns em relação aos filtros solares:

Pessoas com pele escura não precisam de filtro solar

Mesmo as peles mais escuras estão sujeitas a queimaduras, ao envelhecimento prematuro ou ao desenvolvimento de câncer de pele se ficar desprotegida. Portanto, não importa se sua pele é escura ou clara, o filtro solar é imprescindível para todos e deve ser usado diariamente!

Não é preciso usar protetor solar se a maquiagem tiver FPS

Apesar de muitos tipos de maquiagem terem FPS, como base, blush e pós bronzeadores, sua proteção não é suficiente. Fora que alguns produtos são aplicados de maneira desigual. O blush, por exemplo, nas maçãs dos rostos e o corretivo, nas áreas mais escuras.

Embora seja um benefício adicional, é muito importante usar protetor solar antes da maquiagem. Opte por um hidratante diário com FPS a partir de 30. Você receberá mais umidade e proteção em uma única etapa.

Não é preciso reaplicar o filtro solar "à prova d'água"

Mesmo os protetores "resistentes à água" devem ser reaplicados duas horas após o primeiro uso ou logo após o banho de piscina ou suor em excesso. Portanto, cuide para não esquecer quando estiver se divertindo na praia ou na piscina. Mantenha seu protetor solar em um local visível ou programe o alarme do seu celular.

Você só precisa de protetor solar em certas áreas do corpo

O protetor solar deve ser aplicado em toda a pele exposta. Isso inclui pés, orelhas, colo, ombros, costas, braços, pernas e pescoço... Portanto, o rosto não deve ser a única área a receber o produto diariamente.

Os protetores solares para adultos não são tão efetivos quanto os infantis

Os protetores solares contêm os mesmos ingredientes ativos, sejam eles para crianças ou adultos, portanto, a proteção é a mesma. A diferença é que os protetores infantis são formulados para uma pele mais sensível, por isso podem ser livres de fragrâncias, produtos químicos, parabenos, além de evitarem ardência nos olhos.

O protetor solar não vence

Se você tiver um resto de protetor solar que venceu, jogue-o fora! Seus componentes perdem a eficácia depois de vencido e podem não proteger a sua pele como deveriam.

Lembre-se: filtro solar não é um produto sazonal, portanto deve ser usado o ano inteiro. Ao usá-lo todos os dias, o produto jamais sobrará!