Dicas para exercitar o corpo sem sair de casa

Subir escadas, alongar, usar menos salto alto. Hábitos simples que podem ajudar a saúde do corpo

Foto: Reprodução


É verdade que numa academia de ginástica se pode encontrar os exercícios capazes de mexer com o corpo todo. Mas que tal algumas dicas que podem ser praticadas em casa e farão um bem enorme? Seu corpo agradecerá.

É possível combater, sentada, a flacidez das coxas. O exercício é simples e certeiro: pegue uma bola de tamanho médio (como as usadas para jogos de handebol) e coloque-a entre os joelhos. Aperte-a devagar, contando até quatro. Solte a bola com suavidade, também contando até quatro, sem largá-la completamente. Repita durante dez vezes. Caso sinta algum desconforto, pare o exercício. Procure estabelecer uma rotina para essa prática.

Tente deixar as sandálias superaltas e de tirinhas somente para ocasiões muito especiais. Andar de salto diminui em até 60% nossa velocidade, além de ser menos confortável. O uso prolongado do salto provoca o encurtamento do músculo da panturrilha e a extensão exagerada dos músculos da canela, o que pode comprometer as funções das articulações. E mais: causa pressão na parte do pé que toca o chão e pode gerar problemas de postura. Assim, é bom alternar o uso de sapatos altos com sapatos baixos. Use e abuse das sapatilhas e sandálias rasteiras. E também do tênis, que ganhou estilo mais fashion e vai bem até com vestidos e saias.

Subir e descer escadas faz um bem enorme para o condicionamento físico e ainda esculpe as pernas. Esse tipo de atividade incrementa a ação muscular dos membros inferiores e aumenta a força e resistência. Sempre que possível, deixe o elevador de lado. Use as escadas.

Quando for pegar objetos no alto, fique na ponta dos pés. Dessa forma, você “recrutará” todos os músculos da batata da perna. A permanência por alguns segundos com uma contração vigorosa provoca o fortalecimento da panturrilha.

Resolveu dar um trato na casa no final de semana? Otimize seus movimentos. Se tiver de abaixar para pegar algo no chão, não dobre o tronco. Flexione os joelhos e os quadris, como se estivesse fazendo um agachamento. Redobre a atenção apenas na hora de levantar peso.

Os músculos alongados são fundamentais para quem pretende ter pernas bem desenhadas. Eles também dão flexibilidade ao movimento, deixando seu andar mais elegante. Aproveite os momentos em que estiver assistindo televisão para alongar as coxas e a batata da perna. Aliás, faça isso todos os dias, ao se levantar da cama.

E conhece o ditado “quem anda seus males espanta”? Pois é. Além de todos os conhecidos benefícios para a saúde, andar é uma ótima maneira de melhorar a aparência das pernas. Mas não adianta dar alguns passinhos por dia. Aumente o trajeto sempre que possível: no shopping, em vez de ir direto à loja, aproveite e caminhe por mais corredores antes de chegar ao seu destino. Aproveite todas as oportunidades que tiver para caminhar.

Ao regressar do trabalho, engane a preguiça e dê algumas voltas no quarteirão. Experimente caminhar como se estivesse “mostrando” a sola do pé para uma pessoa atrás de você. Esse tipo de passada aumenta a velocidade e faz com que você trabalhe vários músculos da perna, desde os quadris até os tornozelos. Bom mesmo é você ter um programa de caminhada semanal e seguir essa rotina.

Bom e belo banho

Faça do seu banheiro um SPA. Se você tem uma banheira, pode usufruir disso preparando banhos relaxantes, energizantes, hidratantes e tudo mais que a sua imaginação quiser. Mas, mesmo só com o chuveiro, dá para desfrutar de um banho bem bom. Use tapete antiderrapante no box. A primeira coisa é tentar se desligar do exterior e curtir a água no seu corpo. Use uma bucha natural. Lave os pés, um de cada vez. Depois ensaboe as pernas e as coxas massageando em forma circular, depois o tronco, braços e pescoço. Por último, lave os cabelos. Ao sair do banho, enxugue-se e aplique hidratante na pele. O seu corpo vai agradecer.

Elevador pra quê?

Subir e descer escadas faz um bem enorme para o condicionamento físico e ainda esculpe as pernas. Sempre que puder, deixe o elevador de lado e “enfrente” os degraus. O ideal para seus pés é usar um tênis bem confortável.

LEIA MAIS: ESTAR DE BEM COM A VIDA É ESSENCIAL