Profissional pode transformar meninas em misses

Evandro Hazzy, que estará em Santa Cruz neste sábado, ostenta um currículo invejável. Das 15 gaúchas que venceram o Miss Brasil, oito passaram pelas mãos dele

Foto: Divulgação


Por Luiza Goulart
luiza@gaz.com.br

Cuidados com o corpo, a aparência e a alimentação. Um conjunto de fatores necessários para chegar às passarelas. Diariamente, meninas de todas as idades começam a cuidar de si para realizar um sonho. Com acompanhamento profissional, é possível tornar desejos em realidade. Também há quem queira estar por trás das câmeras. Arrumar, lapidar e transformar a vida de jovens que esperam um dia concorrer ao Miss Universo. É o caso de Evandro Hazzy, que estará em Santa Cruz do Sul neste sábado aconselhando quem deseja ingressar no mundo da moda.

Proprietário da Maison das Misses E.H, localizada em Porto Alegre, Hazzy sempre preferiu as bonecas ao invés de carrinhos. Natural de Santa Maria, conserva lembranças de concursos como Rainha dos Balneários e Rainha das Piscinas. Durante a adolescência, ouvia recomendações de seus pais para inúmeras carreiras. Porém, seu caminho sempre esteve ligado à beleza feminina.

Atualmente, assume o título de missólogo com orgulho. Através dos anos, criou um olho clínico para identificar meninas que tenham dom para serem modelos. “É como fazer uma escultura em argila”, explica. Profissionais qualificados podem lapidar uma mulher e a transformar em um diamante. Para isso, elas devem seguir exigências do padrão de beleza atual. 

Dentro de concursos de beleza, a busca por uma mulher contemporânea, forte e independente, é incansável. Ao mesmo tempo, ter habilidades para se comunicar e lidar com a mídia é essencial. “Ela vai ter que ser uma mulher propaganda. Ter ideias próprias e autoestima elevada. Esse é o perfil de uma mulher ideal. É muito mais do que uma bonequinha de luxo,” diz Evandro.

Ao começar o caminho de modelo, uma menina deve estar de olhos abertos para ciladas e agências falsas. O apoio da família é fundamental e o acompanhamento dos responsáveis é indispensável. Quando reuniões misteriosas ou assédios ocorrem, é o momento de pular fora e procurar outros profissionais.


Missólogo de renome no Shopping Santa Cruz

Evandro Hazzy, 45 anos, ostenta um currículo invejável. Das 15 gaúchas que venceram o Miss Brasil, oito passaram pelas mãos dele. Sua Maison das Misses, localizada no Bairro Três Figueiras, em Porto Alegre, se encarrega não apenas de preparar beldades para as passarelas, mas para elevar a autoestima de qualquer mulher. O local, conforme Hazzy, foi inspirado no sistema utilizado na Venezuela. 

Neste sábado, ele vai estar em Santa Cruz do Sul para aconselhar meninas e meninos que desejam ser profissionais da moda. A convenção de direcionamento de carreira ocorre no Shopping Santa Cruz, às 15 horas. As inscrições custam R$ 50,00. Para participar, jovens podem entrar em contato com Lisi Woldemar ou Janaína Venzon através da Academia Ritmos Companhia, localizada na Avenida Borges de Medeiros. A idade mínima é de 2 anos. Menores de 18 anos devem ser acompanhados pelos responsáveis.